<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d13730762\x26blogName\x3dD\x27Homem\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/\x26vt\x3d-9092945672773493816', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

24 fevereiro 2006

Homens da História e Ficção: Alexandrino Azevedo



Como já foi referido algures neste pardieiro, homem á séria é-o independentemente do seu clube de eleição - cuidando que seja adepto como deve de ser. Um grande exemplo conhecido e admirado de todos nós é Alexandrino Azevedo, esse magnífico portista.

Alexandrino, 62 anos, não é exactamente inconspícuo: forte, de igode farfalhudo, ostenta mais quilos de ouro ao pescoço que a balança do Fernando Mendes acusa. Entre os ornamentos, encontra-se um único e exclusivo trabalhado em ouro e safiras. Não se contentando em ir a todos os jogos do clube (pelo menos em casa), trouxe um pouco do clube para sua casa. Muito, até. É curador de um museu de testosterona, onde figuram milhares de peças, desde camisolas do FCP a uma torneira de balneário.

É no seu museu que se refugia Alexandrino, a ouvir hinos e marchas do dragão, quando fica com os azeites da vida quotidiana. Que D'Homem...

Ressabianços: 18

Anonymous Anónimo
(24 fevereiro, 2006 18:22)

e bilhar de bolso? é d'homem?

 
Anonymous Ferragens Abelha
(24 fevereiro, 2006 19:20)

Caros colegas D'Homem, antes demais deixem-me dizer-lhes que o «shôr» Alexandrino Azevedo, além de possuir um nome e uma aparência muito D'Homem, é também adepto ferranho do clube português mais D'Homem que existe de entre os 3 "grandes" da superliga.

Sim, pois perdoem-me os lagartos e os lampiões mas F.C. Porto é D'Homem.

É D'Homem dizer : "Raios partam os mouros de lá de baixo carago, se vejo mais um lampião vou-lhe á fuça!"

É D'Homem fazer um basqueiral do caralho quando o porto ganha e ir para a avenida mais próxima com a carrinha cheia de famelga com montes de cachecóis e bandeiras do F.C.Porto a buzinar e a berrar até ás 3 da manhã.

Por fim é D'Homem ver os jogos com os amigos D'Homem numa taberna bem D'Homem na cidade onde os há aos pontapés(Homens D'Homem e tabernas D'Homem): o PORTO.

 
Blogger Maria Cachucha
(25 fevereiro, 2006 10:50)

todo o bling-bling é gangsta.
d'homem é bling-bling.
logo, gangsta é d'homem?

 
Blogger Ginjas
(25 fevereiro, 2006 12:43)

"todo o bling-bling é gangsta."

Falso. De acordo com vários teóricos da cena e do basofe (aka glam-cena), bling-bling é wannabe gangsta.

Ora aí está um silogismo invalidado dada a erroneidade de uma das suas premissas.

 
Blogger Maria Cachucha
(25 fevereiro, 2006 13:30)

todo o bling-bling é wannabe gangsta.
d'homem é bling-bling.
logo, wannabe gangsta é d'homem?

 
Blogger Ginjas
(25 fevereiro, 2006 15:01)

"d'homem é bling-bling"

Ah sim? O blog tem tipo 3 cores... vamos lá ver...

 
Blogger Maria Cachucha
(25 fevereiro, 2006 19:18)

" (...) ostenta mais quilos de ouro ao pescoço que a balança do Fernando Mendes acusa. Entre os ornamentos, encontra-se um único e exclusivo trabalhado em ouro e safiras."

bling-bling é d'homem.

 
Anonymous luke
(25 fevereiro, 2006 20:13)

eu acho que há vários tipos de bling-bling, a vertente mr T e akela dos-putos-dos-colares-com-merdas-k-rodam, entre outras.
digo eu que mr T é d'homem e basofe é wannabe gangsta..

 
Blogger Johnny Boy
(26 fevereiro, 2006 08:00)

vejamos, ter ouro ao pescoço pode ser muita coisa.
no caso do senhor do post, é rijo.
se for em miudos que passam droga, mata-se uns aos outros e ouvem hip hop, nao é. porque esses ao mesmo tempo que usam o ouro, usam lenços e toucas na cabeça, que nunca será d'homem, e nao se vêm gansta rappers a dançar o vira ou a bater uma sueca em nenhuma esplanada.
vamos ver se andamos mais atentos, sim?

 
Blogger Maria Cachucha
(26 fevereiro, 2006 08:12)

"toucas"? tipo daquelas fanchonas para tomar banho? bem sexy. :|
e se nao dançam o vira é porque não há vira na terra deles.
e se não jogam sueca é porque preferem o poker.

o que nos leva a reformular a questao:"d'homem é exclusivamente português ou pode haver um arquétipo para cada país, mesmo para a França, esse terra onde o cozido à portuguesa se parafraseia em bouillabaisse?"

 
Blogger Ginjas
(26 fevereiro, 2006 13:18)

Portugal é o local ideal para o florescimento de testosterona, muito pela sua tradição mas também, diz-se, pela topografia e localização geográfica.

Sabe-se que não é necessário um indivíduo satisfazer todas as condições impostas para se um verdadeiro homem, claro que quanto mais melhor.

Responde?

 
Anonymous Compi
(27 fevereiro, 2006 13:30)

Estas considerações são todas muito interessantes mas reparem que:

Ouro ao pescoço eh de homem se:

1- O ouro não for polido e lavado e essas merdas;
2- For em forma de cruz, de jesus cristo ou outra qualquer variação religiosa como emblemas de clubes. Outros formatos devem ser considerados indivídualmente pois não existe uma regra aceite em tribunal tasqueiro.

Lá por o modelo mais de homem ser português não quer dizer que não haja homens fora de portugal.
Como diz o ginjas, e muito bem, quanto ao modelo mudar de país para país é obvio que não teria lógica senão daqui a pouco seria de homem mamar crepezinhos e pôr perfumezinho e o caralho.

Um bom exemplo de estrangeiros muito d'homem são os pescadores noruegueses. Não são portugas mas apresentam tamanha concentração de testosterona que o bacalhau até salta pra dentro dos barcos como que magnetizado.
Claro que há uns cabrões que nos querem fazer acreditar que os pescadores noruegueses são menos d'homem usando o santo nome da pesca ao bacalhau em anúncios de cremes para as mãos... NÃO ACREDITEM!! As mãos dos pescadores não tocam outro creme que não seja sebo para encerar o convés e são tão gretadas que quando cascam na micas elas até ficam com farpas cravadas na carne.



Mais uma coisa, caro ferrgens abelha, lá por os adeptos do fcp (os mais tradicionais, porque já vi membros dos Super Dragões com as pontas do cabelinho pintadas e com brincos e isso é obviamente fraco exemplo) irem pra rua fazer cagaçal e armar confusão como deve de ser não quer dizer que os adeptos dos outros clubes tembém não o façam. Entre os seus exemplos não encontro nada que eu não faça nos jogos do Penafiel e do Águias de Galegos, por exemplo.

 
Blogger Maria Cachucha
(28 fevereiro, 2006 11:53)

"2- For em forma de cruz, de jesus cristo (...)"

puff daddy / p. diddy / niggaghettogangstarapluv é d'homem.

gangsta é d'homem :)

 
Blogger José Nuno Ferreira
(28 fevereiro, 2006 15:55)

gangsta tony soprano ou corleonices, ng m convence k isto:
http://adweek.blogs.com/photos/uncategorized/pdiddy.jpg

é gangsta macho.

 
Blogger Ginjas
(28 fevereiro, 2006 19:51)

Bela e explícita elocobração, caríssimo Compi.

 
Blogger Maria Cachucha
(01 março, 2006 11:11)

"elocubração" :)

 
Anonymous compi
(05 março, 2006 21:06)

Obrigado carissimo Ginjas, a jola e a cartada eh pa kuando?

 
Anonymous Anónimo
(15 fevereiro, 2007 05:04)

Excellent, love it! Asian business ideas megapixel digital camera asian busty babe Gay black niggas porn White men having sex with black women porn internet scrabble club tumescent liposuction in washington state

 

Enviar um comentário

<< dehomem.blogspot.com