<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d13730762\x26blogName\x3dD\x27Homem\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/\x26vt\x3d-9092945672773493816', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

18 junho 2005

A Refeição do Macho

A Refeição do macho é uma das suas característcas mais importantes.
O verdadeiro macho nota-se a milhas e através de paredes espessas, quando está a comer.Tal repasto deve ser encomendado, no tasco, com uma frase do género "oh micas/tina/maria, o que é o tacho". Apenas se diz isto para ser d'homem, pois o macho já sabe, à partida, que a diária que lhe vai ser servida é arroz de feijão com um bife mal passado. Se não for arroz de feijão, mas só por questões de logistica, pode-lhe ser servido arroz e batatas fritas. Os únicos legumes que alguma vez poderão acompanhar a refeição do homem são o tomate e a cebola. Nunca alface, cenoura ou essas paneleirices.
Como seria de esperar, o homem come ruidosamente, e mostra o trabalho das enzimas da saliva aos colegas e a todos os tranzeuntes, uma questão de pura superioridade, até na digestão.
O homem que é homem, não usa os talheres normais. Para faca, tem sempre o seu canivete, para garfo, ou usa a mão ou a lamina do seu canivete (também pode ser utilizado o garfo do canivete, caso exista, mas quanta mais ferrujem tiver, maior o gradiente de macheza).
Se por acaso a comida vier numa travessa (sempre das metálicas e nunca daquelas maricas de porcelana e todas bonitas, porque essas partem, e são rotas), o homem não usa talheres adicionais para se servir, e o primeiro a servir tira o melhor bife, com o garfo, espeta no minimo 50 palitos de batata fita e pousa no prato, depois traz mais batatas, no caso do arroz, este deve ser arrastado da travessa para o prato, numa acrobacia que poderá sujar a toalha, mas homem que é homem não se preocupa, pois sabe que a mulher há de limpar, ou arrisca-se a receber umas saudáveis e educativas cintalhadas (vulgo porrada).
Uma parte acessória à refeição do macho é a sopa. Como o resto da refeição, a sopa deverá ser comida ruidosamente. sendo composta apenas por agua, batata, umas poucas de couves para dar cor e chouriço. O homem enche a colher, encurva o corpo e leva a colher à boca, mas como a sopa está em pleno ponto de ebulição, o homem encosta a colher aos lábios e dá pequenas puxadelas de sopa, produzindo um som sibilante, que é utilizado por barcos em dias de nevoeiro, para saber se estão perto ou longe da costa.A dada altura, quando a sopa já passou para os 95ºC, o macho dispensa a colher, eleva o prato, encosta o prato aos labios e continua a sorver a sopa com um ruido mais grave, desta feita devido à largura do prato). No fim do processo, o homem deverá estalar a lingua, respirar fundo e esfregar a barriga.Como seria de esperar, a sopa que é d'homem, não tem qualquer valor nutritivo. É apenas água com meia duzia de legumes rançosos, batata, muito azeite e por vezes outros ingredientes igualmente desnutritivos, como chouriço. Poderá ser acrescentado um pouco de vinho carrascão, para dar um gostinho.
Toda a refeição d'homem é acompanhada pelo mesmo vinho, ou cerveja. O vinho não pode ter qualquer marca, é servido numa caneca de barro e bebido em malgas do mesmo material, com o mesmo som sibilante da sopa.
O homem macho limpa a boca às mangas da camisa ou à toalha da mesa, por obvias questões ecológicas, para quê andar a sujar panos?
No fim da refeição deverá ser exigido um café, seguindo as indicações já fornecidas no blog.
Outras refeições igualmente másculas: bacalhau, iscas de fígado, tudo que tem feijão/grão de bico, sardinhas, grelhados (quanto mais queimado, mais d'homem), etc.
Aperitivos d'homem: moelas, torresmos, chouriço, etc.
Aprendam.

Ressabianços: 3

Anonymous GonçaLo
(12 setembro, 2005 22:12)

"Questão logística?"
"só se diz isto para ser D'Homem" seus mariconços! Que Homem com agá grande pronuncia determinada frase só para afirmaçao do seu coeficiente de macheza?? Será colhão perguntar (dúvida e incerteza n é d'Homem!) qual é o almoço sabendo já a resposta? Isto demonstra fraqueza e dependencia.. carência até! E ond está a testosterona de um ser carente? Cá para mim isso é homem com agá pequeno, aquele que tem medo de chegar a casa depois das 9 e meia da noite para n levar com o rolo da massa! por favor! Homem q é Homem não "apergunta" qnd já sabe a resposta!

Tenho dito.. Aprendei!

 
Anonymous dfg
(28 agosto, 2007 21:20)

homem que é homem não escreve não aconselha não critica homem que é homem só da uma ordem

 
Anonymous Anónimo
(21 novembro, 2009 10:48)

Sim, provavelmente por isso e

 

Enviar um comentário

<< dehomem.blogspot.com