<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d13730762\x26blogName\x3dD\x27Homem\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/\x26vt\x3d-9092945672773493816', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

20 outubro 2005

Conselheiro D'Homem: Errar


«Errar é humano... mas será D'Homem?»
J. Bacalhau




Caro Bacalhau, a sua assiduidade e curiosidade nunca deixam de espantar os acolhoados escritores deste másculo blog.
Quanto à sua questão, pode parecer dificil de responder mas não é.
Repare na definição de erro:

erro
s. m.,
acto de errar;
engano;
equívoco;
resultado falso;
incorrecção;
desvio do caminho;
mau comportamento, desregramento;
delito, culpa.


Nas primeiras definições, "engano, equívoco e resultado falso" podemos logo notar algo que vai contra o ser d'Homem.
Homem que é Homem nunca se engana.
Imagine o caro leitor que um macho está a passear a família num solarengo domingo de tarde. Ora o tal macho quer ir para Rebordosa dos Bacalhoeiros mas por acaso vira na saida anterior. Dirá um alarilado que se enganou na saida. Mas é obvio que o macho não se enganou, apenas decidiu ir por um caminho diferente, ver coisas novas, a outra estrada era má, e se tiver que voltar para trás, foi porque assim o quis.
Suponha que o macho passou uma noite com os compadres no tasco e ao ir para casa aparece na casa da vizinha que é boa. Diria de novo o paneleiro que o tal homem se enganou na porta, mas não. O acolhoado ser apenas quiz ir visitar a tal vizinha pois esta podia-se sentir sozinha e Homem que é Homem também sabe ser cortês (especialmente para vizinhas boas e solteiras).
Resumindo um Homem nunca se engana. Faz as coisas sempre à sua maneira. Se os outros acharem que está mal, recebem o respectivo correctivo até mudarem de opinião. É quase como o Cavaco Silva (excepto a parte de parecer um cadáver), o macho nunca se engana e nunca tem dúvidas.

Aprendei.

Ressabianços: 16

Anonymous Compi
(21 outubro, 2005 03:26)

Foi a experimentar "caminhos diferentes" que a Alemanha perdeu a guerra...

 
Blogger Johnny Boy
(21 outubro, 2005 05:47)

Repare, caro compi, que homem que é homem conhece toda a estrada e caminho de monte que existe (mesmo os que nao estao nas cartas militares) apesar de por vezes nao aparentar tal coisa.
O facto de a alemanha ter perdido a guerra nao tem nada a ver com isso porque todos sabemos que os alemae parecem peixeiras rabugentas quando falam e a cerveja deles parece água (por isso passam toda a tarde a beber e nao se passa nada) e portanto não são exemplo a seguir...

 
Anonymous madrinha
(25 outubro, 2005 14:07)

repara...
acolhoados?????
ya... ou não!!

 
Blogger Johnny Boy
(25 outubro, 2005 23:55)

queira-se explicar, cara "madrinha"...

 
Anonymous Barata
(26 outubro, 2005 09:21)

Realmente porque nao fazer um post para esclarecer qual dos candidatos presidenciais e mais homem? Eu apostaria no Cavaco Silva... o Alegre escreve poesia (O_O)... o Soares fala mal frances... e de Homem... mas, Cavaco Silva e natural de uma terra de seu nome Boliqueime!

 
Anonymous madrinha
(26 outubro, 2005 16:10)

"...nunca deixam de espantar os acolhoados escritores deste másculo blog..."

acolhoados... pois... claro...

looool

 
Blogger Johnny Boy
(26 outubro, 2005 17:32)

Para o senhor barata:
-por muito acolhoado que seja um presidente (passar parte do tempo a mandar e o resto a coçá-los e a passear), não achamos que nenhum dos candidatos seja mais homem que outro... não querendo ser parcial nem parecer o tipico gajo que se queixa, são todos o tipico politico português que quer a presidência como reforma. e ser mentiroso e ladrão é pouco de homem, porque homem que é homem é honesto.

para a enigmática madrinha:
- nao vejo onde pode duvidar dos apretrechos acolhoados dos escritores deste blog. até porque não deixa de cá aparecer, e nao será certamente para se queixar...

 
Anonymous Compi
(27 outubro, 2005 02:43)

Oh madrinha, és uma fada?
Anda cá acima do andaime brincar cua minha varinha!

 
Anonymous Tom Sawier
(27 outubro, 2005 13:46)

Caros escritores... Tenho uma perguntar para colocar... Mas afinal qual é a mulhes que mais convem ao simbolo divino máximo? claro está o homem:)

 
Anonymous madrinha
(27 outubro, 2005 21:42)

não amor... sou mesmo uma madrinha apenas... repara, se fosse uma fada, chamavam-me fada... mas vá, já não pedia este raciocinio de ti, "compi"...

eu passo por cá para confirmar se sempre vai crescendo alguma coisa, mas ainda n consegui ver nada. pra semana compro uma lupa com maior ampliação, prometo!

 
Anonymous Compi
(28 outubro, 2005 04:23)

Se fosse fada chamava-se fada?

Aposto que há muita coisa a madrinha é e que não se chama...


Agradecia que a madrinha não escrevesse o meu nome entre aspas, porque este não é uma citação ou outra merda parva dessas que esses paneleiros que escrevem os livro inventam.

Compi é Compi...

 
Blogger Pardal
(28 outubro, 2005 10:52)

OH MADRINHA, oh madrinha, OH MADRINHA, oh madrinha anda-me la....

*menos*


Caros escritores deste blog... tende paciência, se a "madrinha" diz q n sois acolhoados é pk tem voto na matéria. Mas se mm assim ela continua a aparecer.... hmm num sei... Quem desdenha quer comprar...

 
Anonymous madrinha
(09 novembro, 2005 13:38)

caro amigo... se eu tivesse de escolher um proverbio para adaptar a situação,ia mais prós lados do:

a cavalo dado não se olha ao dente

 
Blogger Johnny Boy
(09 novembro, 2005 21:57)

acolhoados e cavalo no mesmo contexto... não sei não...

 
Anonymous compi
(16 novembro, 2005 16:00)

o_O

 
Anonymous Anónimo
(13 janeiro, 2009 23:56)

Oi.vim aki pq o Marlon mando.thau.

 

Enviar um comentário

<< dehomem.blogspot.com