<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d13730762\x26blogName\x3dD\x27Homem\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://dehomem.blogspot.com/\x26vt\x3d-9092945672773493816', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

30 junho 2005

Quando o macho se fere.

O macho nunca fica doente, logo o macho nunca toma medicamentos.
O mais proximo de medicamento que um homem toma é leite com mel, o mais proximo que um homem toma para calmante ou anestésico é bagaço.
Homem que é homem passou uma infancia e adolescência em constante sofrimento, apanhando porrada, apanhando frio, acarretando o dobro do seu peso em lenha inúmeras vezes, sendo regado com gasolina e tranformado numa lamparina humana pelo pai/tio/avô, todas essas coisas que as crianças têm que aguentar, para crescerem e tornarem-se em homens de verdade.
Por isso, o homem macho tem uma camada de calo em toda a pele.
Obviamente que o trabalho do homem pode colocar a sua integridade física em risco, por vezes... Se estiver a deitar uma àrvore abaixo, pode, por exemplo, partir uma perna e ficar com uma fractura exposta, ou se está no talho, a decepar cabritos ou vacas, pode muito bem cavar um golpe em si próprio ou arrancar um braço. Em casos destes o homem deverá lavar a ferida com álcool, curar-se com sal, estancar a ferida com areia e dizer à mulher que lhe faça uns pontos e lhe volte a prender o membro arrancado no sítio (homem que é homem não faz trabalho de costura), e o macho estará pronto a voltar ao trabalho em 2 minutos, sim, porque há coisas a fazer...
Se o homem está na caça ou na guerra e por acaso recebe uma chumbada nas costas, o único tratamento que recebe é umas brasas no buraco, para tapar (ou seguir o exemplo do muito macho John Rambo e encher o buraco de pólvora e queimar a dita, para sarar). Tirar ou não a bala do buraco, fica à escolha do homem... Tirar é rijo, mas deixar a enferrujar lá dentro também, para além de ficar bem em radiografias.
Se o homem for atacado por um lobo (ou um animal carnívoro do género como um leão, crocodilo, etc) e o mesmo lhe arrancar uma orelha, o macho deverá perseguir o animal, matá-lo e guardar a carcaça embalsamada do dito, com a orelha na boca, porque homem que é homem cobra as suas dívidas e não perdoa (a não ser a seu pai, com muito esforço).
Aprendei.

Ressabianços: 9

Blogger Atalaia
(30 junho, 2005 14:02)

Aqui o jny-boy bem que pode ir ensinado umas coisas ao zoom. Ao ler a posta até estranhei a masculinidade da coisa, só depois vi que afinal era outro gajo a escrever!
Agora beber leitinho com mel não é d'homem... isso bebem os putos quando são uns mariconços e estão com febre ou tosse ou lá o que seja.
A doença trata-se com bife mal passado e três copos de tinto e dois de bagaço. Tem é que ser caseiro.
O golpes, balázios, ossos partidos e outras maleitas, convém cauterizar com uma brasa porque as gajas não curtem muito o cheiro que essas cenas às vezes ganham ao fim de uns dias, e o pus verde tira-lhes a pica. Se não houver brasas por ali, aplique-se ponta de cigarro e se for necessário um garrote, com o pano mais imundo que estiver à mão.
As gajas não curtem muito a fase do tratamento, mas depois a cicatriz faz efeito e aí é aproveitar.

 
Blogger Johnny Boy
(30 junho, 2005 14:20)

não sei se o colega atalaia percebeu.
homem que é homem não tem que agradar... repare, a hora em que a mulher faz cara feia ao cheiro do macho, é a hora em que a mesma recebe umas cintalhadas e umas bofetadas. não há cá escolhas.
O leite com mel foi dito como o mais próximo d um medicamento que o homem toma, mas o homem nao toma medicamentos, tenha atençao...
o bagaço, isso sim, essencial em cada tratamento, para múltiplas utilidades.

 
Blogger Zoom
(30 junho, 2005 14:28)

Parece que não nos estamos a fazer entender, ou os posts não são lidos com suficiente atenção.
- As gajas não têm de curtir coisa nenhuma. O homem não se preocupa em agradar ao mulherio. Já foi dito e redito.
- O homem nunca leva balázios, o filho da puta que tem a arma nem tem tempo de a carregar antes de já estar no chão, mais que espancado.
- Desde quando se cauteriza ossos partidos com brasas?
- O homem não aproveita a oportunidade para ter a gaja consigo. Ele tem sempre, elas é que podem aproveitar enquanto ele não as despacha.
- Discutir o que é D'Homem não é D'Homem. Já foi dito e redito.

 
Blogger SimNão
(30 junho, 2005 15:22)

para além de ficar bem em radiografias.

Essa cena de ficar bem em radiografias é um principio de bichaneza...daqui a pouco também querem ficar bem em fotografias e acabam a fazer uma sessao de fotos meia homossexual...é isso que voces querem para os vossos filhos?

Simão

 
Blogger Johnny Boy
(30 junho, 2005 18:45)

eu sabia que essa frase ia geral comichão...

 
Blogger ruben
(30 junho, 2005 22:28)

É d'Homem é sim senhor...E o ficar bem nas radiografias é um bom motivo para quando elas perguntam:"O que é que são estes pontinhos aqui na radiografia" o homem responder qualquer coisa do genero: "Isso foi de uma vez que fui à caça de Corcodilos no rio Tejo, infelizmente já não há nenhum que conte a historia, porque eu acabei com o especime quando eles quiseram espetar os dentes." e ela pergunta indignada "mas isto não é chumbo?" e ele responde "não são recordações dos dentes de corcodilo do rio tejo" . Por isso fica bem e não é para agradar, serve apenas para o Homem se sentir ainda mais HOMEM

 
Blogger Johnny Boy
(01 julho, 2005 03:25)

bem dito, rubem, e reparemos todos neste pormenor, tatuagens... é d'homem (bem, até certo ponto, digamos "amor de mãe", sereias, etc), e nao deixa de ficar bem, logo, tamos conversados sobre esse assunto

 
Blogger José Nuno Ferreira
(01 julho, 2005 19:49)

muito bem, homem que é homem, nao se esforça por ficar bem, se é Homem, fica sempre bem, pode é ficar -melhor- com os ditos atributos radio-opacos.
para quando um post sobre a bela e mascula arte da tattoo?

 
Blogger ritz
(28 julho, 2005 23:55)

tudo muito bonito mas só uma coisa a acrescentar: home que é home, não se fere, ALEIJA-SE

 

Enviar um comentário

<< dehomem.blogspot.com